Portal do Governo Brasileiro

 


Link acesso a Informação Link Facebook Link Instagram  Link Twiter

As origens da Orquestra Opus 68 remontam o ano de 2008, quando os primeiros integrantes se encontraram no antigo Cefet Petrolina, hoje Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IFSertãoPE) – Campus Petrolina. Entre flautas doces e os poucos instrumentos que estavam disponíveis, o silêncio dos corredores cinzas foi quebrado e nascia ali a oportunidade de estudar música de forma gratuita e com qualidade.

 A estreia da orquestra aconteceu em agosto do mesmo ano e logo começaram a chegar convites para apresentações na região do Vale do São Francisco e em outras partes do Brasil. Durante o I Fórum Mundial de Educação Tecnológica, realizado em Brasília, em 2009, o então Secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Eliezer Pacheco, enalteceu o trabalho da Opus 68 e avaliou: “ao aliar a formação humanística e cultural à formação técnica, os Institutos demonstram que estão no caminho certo. Devemos formar o homem integralmente”.

Em 2010, foi o instituto adquiriu um instrumental sinfônico, que ampliou as atividades da orquestra. Mas foi a criação do Curso de Licenciatura em Música (2011/12) que coroou a trajetória da orquestra, tornando sua casa, o Campus Petrolina, a escola de formação de professores de música para toda a região do Vale do São Francisco. Em quase 15 anos de atividade, mais de trezentos jovens passaram pelas estantes Orquestra Opus 68. O caminhar da Orquestra do Sertão é pela educação em forma de música, pelo prazer de fazer o outro se emocionar e, acima de tudo, pelo dever e honra de compartilhar desta arte.